É para o Menino e para a Menina...e para...


 Alemanha vai admitir terceira opção de género no registo de bebés. 
A partir de 1 de Novembro, a Alemanha será o primeiro país europeu a permitir que um bebé sem género sexual definido à nascença seja registado como tendo um sexo "indefinido". A medida permite que a criança com características dos dois sexos (hermafrodita ou intersexual) registe o seu género sexual mais tarde, durante a sua vida adulta, quando ficar definida a sua genitália, se for esse o caso. Além da Alemanha, a Austrália e a Nova Zelândia já permitem a opção do terceiro género aos seus cidadãos e que a mesma seja indicada em documentos de identificação, como o passaporte. 


Share this:

Comente

0 Profissão Mães Comentaram!!!:

Enviar um comentário

Desabafe o que lhe vai na Alma!